quarta-feira, 1 de setembro de 2010

Informações importantes

Olá!

Estive um pouco sumida, mas já estou de volta!
Hoje revendo alguns post antigos meu, percebi que recebi um comentário de uma pessoa que sabe muito sobre vaginismo e acredito que todas vão gostar, segue abaixo

"“Olá! Li seu blog e achei bastante interessante. Gostaria de informar que há tratamento de excelência no Hospital São Paulo para Vagínicas, e se puder postar no blog, fico grata, pois muitas são as mulheres que sofrem e infelizmente demoram muito para achar tratamento de qualidade, se é que encontram. Seguem informações:

O Hospital Paulista de Medicina, através do Projeto Afrodite, oferece tratamento gratuito para mulheres com disfunções sexuais, ou seja, mulheres com dimunuição ou ausência de desejo sexual, com disfunção de excitação (embora tenham suficiente estímulo sexual não alcançam suficiente lubrificação vaginal), mulheres com anorgasmia ou disfunção orgásmica (não alcançam ou tem dificuldade de alcançar o orgasmo), mulheres com dispareunia (dor durante a relação sexual) e mulheres vagínicas (são pacientes em que ocorre uma contração do canal vaginal que impede a relação sexual). A pessoa interessada deve ligar para o Ambulatório de Sexualidade da Universidade Federal de São Paulo- Escola Paulista de Medicina. A mesma passará por duas aulas sobre sexualidade e em seguida fará a avaliação e tratamento com ginecologistas, psicólogas e fisioterapeutas, dependendo da disfunção apresentada.

Comunidade no orkut: http://www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=98095130

VAGINISMO TEM FIM, SIM!!! Dependendo do caso, a fisioterapia tem uma atuação muitíssimo importante e eficaz, e em outras situações, é realizado um trabalho psicológico associado.

Ambulatório de Sexualidade
Rua Embaú, 66, Vila Clementino.
Fone: 5549-6174.
O tratamento é GRATUITO!!

Dra. Priscila Gouveia
Fisioterapeuta do Projeto Afrodite
Mais informações, direto comigo: benditasmulheres@yahoo.com.br"

11 comentários:

  1. Olá Soraia, tudo bem?
    Gostaria de tirar uma dúvida
    Sua fisioteraputa é uroginecológica, mas me explica melhor isso, pois estava fazendo tratamento com uma sexóloga e não obtive resultado ainda.
    E é tão difícil encontrar uma fisioterapeuta nessa área.
    Estou muito aflita com todo esse problema, tenho vaginismo.

    ResponderExcluir
  2. Olá Rebeca!

    sim minha fisioterapeuta é uroginecologica, é um tratamento que consiste em trabalhar os musculos da vagina, e introduzindo aparelhos especificos, é muito bom e realmente dá resultado, depois que comecei este tratamento fiquei curada na 25°sessão, aproximadamente tres meses.
    Conversando com minha fisioterapeuta, ela realmente me falou da falta de informação que até mesmo as ginecologista tem de encaminhar para o profissional de fisioterapia, pois muitos não sabem que estes, também tratam de vaginismo.
    Procure um em sua cidade, busque, por que realmente vale a pena!
    Você é de que cidade?

    Um forte abraço!

    ResponderExcluir
  3. Oi, Soraia, comecei esse mês os exercícios, por conta própria, pois aqui na minha cidade não tem fisio especializado. Estou começando com um vibrador do diâmetro de um batom. Faz 2 semanas, faço o exercicio diariamente, e não tem doído mais.

    = )

    Me dê uma dica para progredir no diÂmetro. Você acha que já está na hora? E o que eu usaria? Beijo, passe no meu blog quando puder tb!

    ResponderExcluir
  4. Olá estou deixando recados em todos os blogs que vcs seguem, fico muito feliz que tenham encontrado profissionais especialistas em sexualidade, meu nome é Maria Angélica sou coordenadora e fisioterapeuta do Projeto Afrodite e responsavel pelo tratamento de pacientes com vaginismo...qq dúvida que tenham entrem em contanto comigo ou com a Priscila para que possamos dar um direcionamento melhor a vcs. Me enviem a região que moram quem sabe possa indicar uma fisioterapeuta de minha confiança e que saiba tratar de vaginismo ok!!! Grande abraço a todas e não desistam nunda...a cura é possível, se não fosse não estaria tratando dessas pacientes a quase 5 anos e tb terminando minha tese de mestrado.

    ResponderExcluir
  5. Soraia, como está sua vida curada?
    Vc nunca mais sentiu dor nehuma na relação?
    Conta ai as novidades
    Bjooos!

    ResponderExcluir
  6. Você não sabe como este post me ajudou. Esta semana entrarei em cntato com o Projeto Citado para me curar.Me sinto muito feliz.

    C. C

    ResponderExcluir
  7. Olá pessoal, hoje por felicidade após pesquisar sobre meu problema o Vaginismo encontrei esse blog com história de mulheres que tiveram o mesmo problema que eu. Eu preciso muito de ajuda, choro todas as vezes que falo sobre esse assunto porque convivo com ele a muitos anos, mais precisamente desde os 21. Sou se Salvador e já procurei diversos ginecologistas que tb me disseram que isso é normal, que se relaxar vai acontecer. Eu já tentei de tudo mas nada com sucesso. Me ajudem a encontrar um profissional aqui em minha cidade que me ajudade com esse problema. SALVADOR-BA

    ResponderExcluir
  8. kkkkk evinha eu já te respondi lá no blog de Dani e te respondo aqui também. Tem um médico chamado Dr Ricardo Cavalcanti aí na Pituba que foi indicação da minha gineco que tb é maravilhosa.Ele é médico e sexólogo só não sei se atende por plano. Pelo que minha médica disse ele é um pouco caro mas vc pode tentar tb na APAE aí da Pituba próximo a escola Colmeia. Lá tem fisio uroginecológica e ela atende por plano.Vou começar minhas sessões pelo plano (Sulamérica) a partir do dia 19/09. Tow muito animada. Mas, comprei uns pintinhos de plástico ririri e tow treinando em casa. Em apenas 5 dias fazendo diariamente consegui por uma prótese do tamanho do penis do meu marido. Tente também, um dia agente cheda lá!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI ANE... SOU DE SALVADOR TBMMM E GOSTARIA DE INFORMAÇÕES SOBRE SEU TRATAMENTO E PROFISSIONAIS... TO BEM PERDIDA QUANTO A ISSO!!!! SE PUDERM,OS ENTRAR EM CONTATO... ME CHAMO Thalita! meu email é thalita.freire@gmail.com

      Excluir
  9. Olá, tenho um problema semelhante... Vou te mandar um email, espero que você responda. Grata! Adorei seu blog!

    ResponderExcluir